NAS – Network Attached Storage

Tem um bom tempo que eu queria um NAS na rede da minha casa, ele é um aparelho simples e funcional, quando o conceito surgiu era para apenas armazenamento, é como se você tivesse um HD extra em seu computador, mas que todos os computadores de casa ou de um escritório podem acessar.

Com o tempo, o potencial destes dispositivos foram sendo descobertos e novas funções adicionadas, como servidor web,  compartilhamento de impressoras, streaming de músicas, monitoramento de câmeras IP, acesso remoto, UPnP/DLNA, BitTorrent. Hoje em dia um NAS de boa qualidade não deve nada a um servidor dedicado, com algumas vantagens, em geral, ele gasta menos energia que a chapinha da sua mulher e é muito mais barato também.

Como tudo neste mundo é o preço que determina o que você irá levar, um NAS básico não custa muito mais que $30,00 dólares, outros mais robustos podem custar mais de $1.000,oo dólares.

O que eu comprei é o um dos mais vagabundos que existem, possui apenas duas saídas USB(o que torna a gravação um pouco lenta), tem pouca memória RAM(impacta no desempenho) e não tem baia interna para armazenar HDs, nem suporta RAID. Porém para uso residencial ele é mais do que eficiente com algumas vantagens, a principal é seu circuito simples, que gasta apenas 2 amperes com atividade intensa, na maior parte do tempo ele não passa de 0.8 Amperes, o consumo de energia na casa cai lá embaixo se compararmos com um computador desktop ligado pelo mesmo período executando as mesmas funções, ele também é tão silencioso quanto um roteador, não possui partes móveis.

Este é o meu NAS, um NS-K330, você o encontra no DealExtreme por $39,99 dólares, as configurações são bem modestas, processador ARM de 250MHz, 32Mb de memória RAM e apenas duas saídas USB e seu firmware oficial é deplorável, mas o que me chamou a atenção é que existe um firmware não-oficial que melhora muito a experiência com o aparelho, o SnakeOS, e por ser barato comecei a customizar o bichinho, abaixo segue o conteúdo da caixa, a moeda de R$1,00 real está do lado para referência de tamanho, na caixa também vem uma fonte de 5V, fiquei com preguiça de tirar outra foto.

Um problema que notei é que ele esquenta demais, mesmo quando está em baixa atividade, por isso a necessidade de customizar a caixinha, já ampliei as entradas de ar mas não é suficiente, comprei dissipadores de calor, cola térmica e um cooler para placas de vídeo bem pequeno, eles chegarão semana que vem e aí que a diversão começa, em outro momento pretendo descrever toda a experiência com o NAS, a troca do firmware, as customizações e como o estou usando.